sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Curiosidades do dérbi

A capa de hoje do jornal A Bolha dedica grande parte do espaço disponível ao dérbi Sporting-Lampionagem.
Ficamos a saber que Gaitán não estará apto para Alvalade e que no seu lugar deverá avançar Ola John.
Ficamos a saber que Vieira estará na tribuna de honra e, não menos importante, que Paulo Oliveira vai usar caneleiras XPTO.
É de facto um detalhe com uma enorme importância, nem que seja pelo facto de Maxi Pereira estar à solta em campo sem açaime.
Mas desengane-se quem pensa que os assuntos sobre o Sporting se esgotam nas caneleiras do nosso central.
Também Tobias Figueiredo é colocado em destaque, num frente-a-frente com Luisão.

Deste modo, o pasquim realça o facto de que Tobias tinha apenas 8 anos quando Luisão se estreou nos lamps, ou que quando Tobias nasceu Luisão já tinha 13 anos.
Muito interessante.
Mas, se esgravatarmos na nossa memória também recordamos que quando Luisão agrediu um árbitro num jogo-treino na Alemanha, Tobias ainda jogava na equipa júnior.
Quando Luisão foi sodomizado por Liedson no 3º golo do Sporting no estádio do rival, Tobias ainda jogava futebol de 7, nos sub12.
Quando Luisão atropelou Ricardo no jogo que nos retirou o título, Paraty era uma pessoa feliz e Tobias jogava nos sub11 do Penalva do Castelo. Foi no mesmo ano em que Paíto virou as cuecas de Luisão do avesso, num jogo da Taça de Portugal.
Quando Luisão tinha cabelo Tobias ainda era careca.

Também sabemos que, apesar de ter apenas 26 anos, quando Patrício se estreou no Sporting... Artur Moraes, 8 anos mais velho, ainda iria jogar pelo Coritiba, Siena, Cesena, Roma e Braga, antes de bater com o costado na lampionagem.

Um dérbi conserva, de facto, curiosidades dignas de registo.