quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Tem Dias


Dizia Dias da Cunha, ex-presidente do Sporting, no início de Outubro, na sequência da preciosa muleta invisível que serve de suporte aos arranques de campeonato mais tremidos do porto:

"Tem havido equipas escandalosamente protegidas e outras escandalosamente prejudicadas".

Pensei, por essa altura, que parecia ter chegado a hora das figuras ligadas à “ditadura” do Roquetismo começarem a pugnar por um só Sporting.
Pensei que as trincheiras iam finalmente unir-se, e que o Sporting ia começar a falar a uma só voz, também fora do perímetro da liderança.
Após o jogo deste fim-de-semana com o benfica, deparo-me que o jornal Roscoff (uma vez mais) publica na sua versão online um título enigmático…para os sportinguistas.

"Arbitragem má para os dois lados"

Quem pôde ver o jogo, sabe que a arbitragem errou só para um lado.
O campo inclinou-se, e as normais decisões erradas tiveram praticamente um único réu.
Ninguém de boa-fé poderá dizer o contrário.
Lendo as poucas linhas disponíveis na versão gratuita, o desenvolvimento desse mesmo título bombástico diz que:

EX-PRESIDENTE DIZ QUE BENFICA GANHOU POR "SORTE"
“A exibição do Sporting, no último sábado no Estádio da Luz, deixou em Dias da Cunha, ex-presidente leonino, a certeza que o resultado não foi justo e que o árbitro Duarte Gomes teve um mau desempenho”.

Deste curto parágrafo não há nada que possamos assacar a Dias da Cunha, mas como sou cauteloso nas análises, não meto a mão no fogo por ninguém.
O ex-presidente leonino já demonstrou que as suas declarações têm…Dias…mas do jornal Roscoff podemos e devemos esperar tudo, todos os dias.