domingo, 15 de abril de 2012

Garra de Leão


Decorreu na noite de ontem, dia 14 de Abril, a 1ª Festa dos Núcleos Sportinguistas do Distrito de Coimbra.
Este evento, que envolveu o esforço e dedicação dos Núcleos de Ançã, Brasfemes, Carapinheira, Pedrulha, Penacova, Pereira e Vila Nova de Anços foi coroado de êxito e de fervorosa manifestação do ideal leonino.
Até ao evento, o percurso a trilhar esteve recheado de obstáculos por transpor, mas o resultado final encheu os representantes dos Núcleos de vontade redobrada para repetir a iniciativa.
Após avanços e recuos, após inúmeras reuniões, cartas, emails, telefonemas e contactos vários, foi possível arranjar um naipe de individualidades do mundo sportinguista, que congregasse os inúmeros leões do Distrito.  
São muitas as festas que os Núcleos espalhados pelo País realizam anualmente, mas uma iniciativa com a participação de vários Núcleos deve ser pioneira, no universo leonino. Assim o confirmou e reafirmou o presidente Godinho Lopes, no seu discurso.
Esta 1ª Festa, que para lá do convívio entre sportinguistas visa também estreitar laços com o Sporting Clube de Portugal, bem como aproximar o clube dos seus sócios e simpatizantes, teve o jantar servido na Quinta Vale Pousado - Aveleira, concelho de Penacova, contou com algumas figuras verde e brancas, como o Presidente Godinho Lopes, o Conselheiro Rogério de Brito, João Mota Lopes, Rui Paulo Figueiredo ou Manuel Pedro Gomes.
Esta primeira edição da festa pretendia galardoar com a "Garra de Leão", figuras ímpares do desporto sportinguista, bem como reivindicar o seu estatuto ecléctico. 
Infelizmente, alguns contratempos de última hora impediram que todos os homenageados pudessem ter marcado presença no local.
André Martins, na categoria atleta profissional, a contas com um síndroma gripal, fez-se representar por Diego Rúbio, o qual fez questão também de representar todo o plantel profissional. 
Manuel Fernandes recebeu o galardão de ex-atleta e, tal como é apanágio no "capitão", deleitou os presentes com a sua habitual simplicidade e simpatia.
Paulinho, o roupeiro mais famoso de Portugal, também cativou e emocionou os presentes, nomeadamente no inflamado discurso de um Sporting unido e vitorioso.
Os judocas João Pina e Joana Ramos também não puderam estar presentes, devido aos seus compromissos relativos à participação nos Jogos Olímpicos.
Fizeram-se representar por membros da Direcção, mas teria sido importante a sua presença, para enriquecer ainda mais a noite, às mais de 3 centenas de sportinguistas que lotaram o local onde se realizou o evento.
A Estudantina Universitária de Coimbra proporcionou momentos de animação, conferindo também um pouco da alma coimbrã a esta festa, que será certamente para repetir.
Foram vários os orgãos de comunicação social presentes, sendo que poucos minutos depois da Festa terminar já um deles a referia (ver aqui) na sua página online. 

Arlando Albuquerque e Luís Moura, Núcleo da Carapinheira, com Paulinho

Luís Moura com Diego Rubio

Fernando Santos, Núcleo da Carapinheira, com Diego Rubio

Eng. Godinho Lopes e Luís Moura, presidentes do S.C.P. e do Núcleo da Carapinheira

 Irene Palma, Gitos (Núcleo Vila Nova de Anços) e D. Rúbio

Mesa de Honra

Momentos do repasto

Discurso de Manuel Fernandes

Carlos Fernandes (Núcleo da Pedrulha) entrega o galardão a Diego Rúbio, que representou o homenageado (André Martins) bem como o plantel profissional

Roberto Roxo(Núcleo de Pereira) entrega galardão a Paulinho

Discurso de Paulo Gama

 
Vitor Lobo (Núcleo Brasfemes) Manuel Pedro Gomes, (?) José Almeida (Núcleo de Penacova) Américo Batista (Núcleo de Ançã) e Carlos Fernandes (Núcleo Pedrulha)

Animação por parte da Estudantina Universitária de Coimbra