quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Ressuscitar Carolina

Apesar de já estarmos em contagem decrescente para mais uma jornada da Liga Zon, e de já se saber que o setubalense Bruno Esteves irá apitar a recepção ao Marítimo, devo confessar que tenho andado distraído com alguns fait divers paralelos ao desporto-rei.
Se ontem nos deleitávamos com a continência de Ronaldo dedicada ao taberneiro Blatter, hoje não deixámos de esboçar um sorriso quando soubemos e vimos que no museu do porto desaparecem, graças ao Photoshop, figuras emblemáticas da história do clube.
Carolina Salgado, esse figura marcante do clube azul-e-branco, foi apagada de uma forma completamente insensível, e em seu lugar apareceu uma figura vinda do além.
Mas, para que a verdade seja reposta, publicamos a iconográfica fotografia, porque a história não deve ser deturpada por um qualquer programa de edição de imagem.