sábado, 3 de março de 2012

Vinha d'alhos


Quando estamos a pouco mais de uma hora do jogo de Setúbal, ainda é uma incógnita o onze que Sá Pinto irá apresentar. Certezas, só as ausências dos lesionados e do poupado João Pereira.
O calvário das lesões e a dificuldade em resolver alguns desses problemas têm marcado a época do Sporting e, em mais esta semana de fulcral importância, os nomes sonantes continuam a constar na lista de indisponíveis.
Hoje, o jornal Record faz referência ao ídolo Rinaudo, e adianta que o argentino está colocado numa redoma, até estarem dissipadas todas as dúvidas em relação à sua total aptidão.
A presença do nosso trinco contra o City ainda não está descartada mas, cada vez menos acredito que, uma vez mais, possamos apresentar um onze que possa equilibrar a parada de estrelas que desfilará por Alvalade, na próxima semana.
Não sei quais as dimensões da referida redoma mas, caso seja um T1, convém Rodriguez e Jeffren tirarem a senha para assegurar a sua vez. É que as esporádicas aparições destes jogadores têm sido meteóricas e, dado que têm contratos até 2015 e 2016, respectivamente, mais vale deixá-los em vinha-d'alhos, até à próxima época.