domingo, 27 de maio de 2012

Novas Oportunidades


Se bem se recordam, um dos grandes males unanimemente apontados aos mais recentes plantéis do Sporting era a defesa.
Essa lacuna tentou ser remendada através da aquisição de jogadores que, com maior ou menor aprovação dos seus adeptos,  conseguiu inscrever o nome do Sporting como uma das defesas mais seguras e menos batidas do presente campeonato.
De entre os jogadores contratados, o primeiro a gerar opiniões díspares da sua valia foi Alberto Rodriguez, esteio da defesa bracarense que, junto com Moisés,  logrou entre outros feitos a presença na final da Liga Europa.
Pois se tudo parecia indiciar que na defesa do Sporting seria Rodriguez e mais três, cedo os seus problemas musculares, ósseos, articulares, ou psiquiátricos relegaram-no rapidamente do centro da defesa para a o centro da ala de fisioterapia.
As pálidas aparições do peruano era quando a selecção jogava. Aí, por algum passe de mágica, o central apresentava-se religiosamente pronto para jogar, mesmo que a condição física não fosse a melhor.
Religiosamente voltava à enfermaria do Sporting, o que chegou a provocar a ira de Domingos.
Pois bem, se já nem me recordo a última vez que este jogador vestiu a nossa camisola (se bem que não seria difícil de o descobrir) no último dia de Março foi notícia por ter sido operado, por forma a regenerar o músculo da perna direita, problema que deverá ter surgido quando o defesa ainda representava o Sporting de Braga.
Nunca mais se ouviu falar dele, por isso hoje tive uma grata surpresa ao ler que Rodriguez prepara-se para jogar...pela selecção.
Ora, por quem mais?!
 
«Alberto Rodriguez ainda não sabe se estará apto para defender a sua selecção, o Peru, contra a congénere colombiana, jogo com vista ao apuramento para o Mundial de 2014. Após uma primeira época em Alvalade marcada por lesões, o central confessou vontade de alinhar à Imprensa do seu país. Tenho fadiga muscular, segundo me disse o médico. Veremos como evoluo, mas se possível, vou arriscar
 

O Sporting, pelos vistos, vai continuar a tratar o rapaz para se apresentar nas condições mínimas exigíveis para passar uns dias junto com "sus muchachos".
Dadas as condições deploráveis com que este jogador se apresentou em Alvalade, parece-me que quem realmente arriscou foi o Sporting na sua contratação, e fico sem saber para que servem os tão falados exames médicos. 
Já houve quem tenha chumbado nessa prova mas, pelos vistos, ou Rodriguez ou o médico que diligenciou os testes médicos optaram pelas Novas Oportunidades.