sábado, 9 de junho de 2012

O azar nunca vem só


Após a relativamente esperada desilusão no futsal, teve hoje início o primeiro dia do campeonato nacional de clubes, em atletismo.
Depois de termos dominado esta competição durante décadas, com curtas interrupções, o ano passado voltámos a ver o título masculino fugir para os rivais que equipam de encarnado, fruto de uma aposta desse clube na formação e de um notório desinvestimento por parte do Sporting.
Apesar do título ter sido decidido até à última prova e o Sporting ter inclusivamente protestado uma ilegalidade na prova de 110 metros barreiras, que poderia ter alterado o resultado final, o certo é que a inversão no domínio da competição é evidente, e a jornada de hoje já relegou o Sporting, quase irremediavelmente, para o 2º lugar.
Na competição feminina, contudo, o domínio continua avassalador, e a revalidação do título é quase garantida.
Contudo, a jornada ficou marcada pelos infortúnios de dois símbolos leoninos e que, pior do que terem desfalcado a equipa para a jornada de amanhã, é o facto de  afastarem a atleta da participação nos Jogos Olímpicos, ficando pendente a situação do luso-nigeriano.
Francis Obikwelu desistiu na prova de 100 metros (e assim o Sporting não pontuou ) bem como seria substituído na prova de 4x100, que ficaríamos em 2º lugar. Amanhã também não se apresentará nos 200 metros, mais um contratempo para a problemática tentativa de recuperação.
Entretanto, o Sporting protestou um empurrão do atleta benfiquista a  Bruno Albuquerque – que liderava a prova de 5.000 metros na última curva, e acabou por cortar a meta no 3º lugar.
A classificação é liderada pelo Benfica, com 77 pontos, enquanto o Sporting segue no 2º lugar com 65. É fácil constatar que, com a presença de Francis, facilmente o Sporting teria mais 9 pontos, enquanto o Benfica teria somente  2 pontos de vantagem, e com o protesto por analisar.
Como nada disto conta, resta desejar a rápida recuperação do nosso valoroso atleta.
Na competição feminina o Sporting lidera com 78, seguido do Benfica com 63, pelo que só uma conjugação de estranhos resultados impediria novo título nacional.
À Naide Gomes também o desejo de uma recuperação que lhe permita voltar nas melhores condições à competição, sendo que a intervenção cirúrgica ao tendão de Aquiles está já marcada para a próxima 2ª feira.

Entretanto, decorreu hoje a 2º jornada da fase final do campeonato nacional de juvenis, em andebol.
Na prova que se disputa no Pav. Flávio Sá Leite, em Braga, depois do empate a 29 entre ABC e Porto, o Sporting derrotou hoje os portistas por 34-29 pelo que, amanhã, bastará um empate aos leões para se sagrarem campeões nacionais. Uma derrota com o ABC, a jogar em casa, dará aos anfitriões o título.
Este jogo tem início às 15.00 horas.